quarta-feira, 29 de abril de 2009

educar para a denúncia


Parece que, alguns meses depois de alguns alunos de uma Escola Secundária de Fafe terem atirado ovos à Ministra da Educação, esta enviou um inspector à escola para interrogar suspeitos e tentar obter delações.

É verdade que atirar ovos, mesmo à Maria de Lurdes Rodrigues, é crime. Só que compete exclusivamente às autoridades policiais a sua investigação. Paradoxalmente, parece que nenhuma queixa foi apresentada.

Assim, lá vai o Ministério da Educação, dando o exemplo, tentando criar uma jovem geração de pequenos denunciantes. Afinal são essenciais para a manutenção de qualquer poder autoritário que quer ser duradoiro, mesmo quando tenta dizer que é de "centro-esquerda"!

Sem comentários: