terça-feira, 7 de abril de 2009

nuclear

Este artigo do Expresso informa sobre a criação de uma associação de cientistas para a divulgação em Portugal dos potenciais da energia nuclear.

É um assunto sobre o qual não tenho mesmo preconceitos e partilho a opinião da European Physical Society (EPS) sobre a necessidade de se criar um ciclo de produção de energia que seja isento de emissões. E, até à data, apenas o nuclear consegue este objectivo.

Ninguém pode negar que existem riscos, mesmo com as novas gerações de reactores, mas penso que devem sempre ser analisados com racionalidade e não à luz de velhos fantasmas e livros de ficção científica.

Interessaria a Portugal? Sem dúvida, até tendo em conta o nosso elevado nível de dependência energética. A opção nuclear tem certamente de fazer parte da discussão sobre as nossas possibilidades energéticas

Recomendo vivamente a leitura da opinião fundamentada da EPS. Este problema deve ser abordado com posições racionais e abalizadas, sem dogmas nem preconceitos.

Nuclear? É certamente uma possibilidade.

4 comentários:

geocrusoe disse...

embora sinta alguns preconceitos... também é verdade que compreendo a necessidade de uma fonte energética sem emissões de gases com efeito estufa e neste momento, com a tecnologia disponível e em quantidade, a alternativa mais credível é a nuclear. Para quem não gosta de descrições técnicas e até é ecologista/ambientalista, o livro a "Vingança de Gaia" de Lovelock é chocante por se ver um grande defensor do ambiente a justificar de uma forma clara (por vezes parece-me demasiado intensa) a necessidade do nuclear

Paulo Pereira disse...

Por mim tudo bem, desde que o nuclear não seja com tecnologia de esquerda, perdão de leste.

amilton alexandre (mosquito) disse...

Gostaria de saber o e-mail do blogueiro

Veja esse assunto

http://tijoladasdomosquito.com.br/governo-corrupto-de-santa-catarina-brasil-alerta-ao-povo-e-governo-do-arquipelago-dos-acores/

Tiago R. disse...

Caro Paulo:
Infelizmente a tecnologia na Ucrânia nessa altura tinha muito de leste e pouco de esquerda. Tinha de dar mau resultado...