segunda-feira, 1 de junho de 2009

uma espécie de candidato socialista

Vital Moreira acusa PSD de ser uma espécie de PCP da direita

Podendo parecer que Vital Moreira está na prática a elogiar o PSD, na realidade trata-se apenas, mais uma vez, do estafadíssima discurso de acusar a oposição de querer o "quanto pior, melhor" porque, na sua óptica, os governos, especialmente os do Partido Socialista que lhe arranjarem um tacho em Bruxelas, não devem ser criticados.

Vital acusa também os outros partidos de serem anti-europeístas (como o PS faz há anos, aliás. Bocejo...). Não percebe que o que é mesmo necessário é provar aos portugueses as vantagens e potenciais do projecto europeu, mostrando-lhes que o projecto europeu pode contribuir para o desenvolvimento do país, se seguir outros rumos. Mostrar-lhes qye outra Europa é possível. Não basta dizer que somos europeístas porque sim.

Disparando em todas as direcções, continuando a insultar os adversários, Vital não apresentou uma única - uma que fosse! - ideia nova, enquanto se passeava ao lado da candidata fantasma portuense, erguendo o dedo professoral para ilustração do país.

Sem comentários: