quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

quando não souberes o que fazer, não faças nada

Sobre uma questão desta importância, numa discussão que separou claramente as águas ideológicas, (até porque este desconto seria suportado pelos lucros da EDA e não pelo erário público), que uniu claramente os troikistas PS, PSD e CDS, a verdade é que o BE Açores nada teve a dizer. 
As razões da Deputada bloquista ficaram por saber-se. Se foi por não saber, por não ter estudado, por não ter opinião ou, se calhar, para não ter de elogiar a iniciativa do PCP, só a própria poderá explicar. Certo é que, tal como uma astronauta política, adoptou a regra de ouro de todos os voos espaciais: "quando não souberes o que fazer, não faças nada."
Mas entende-se. À medida que abandonou todas as suas referências ideológicas para se tornar apenas uma máquina eleitoral eficaz, o BE mandou às urtigas toda e qualquer consideração de coerência para se dedicar a tempo inteiro ao esgravatar em busca da pequena vantagem política, num tacticismo que lhes fica mesmo muito mal.

2 comentários:

Anónimo disse...

os comunistas ainda se odeiam mais uns aos outros do que odeiam os capitalistas

Tiago R. disse...

Ao contrário: Exigem é mais uns dos outros.